arthur petry Facebook Twitter YouTube Instagram

30/07/2016 - Perceber, não acreditar.

 

 

Céu azul

Perceba, não acredite.

VocÊ acredita que o céu é azul. Mas há diversas tantas outras possibilidades que fazem perceber que o céu pode não ser azul.

Acreditar é inimigo do conhecer, conhecer é amigo do perceber porém não é o mesmo.

Quando você acredita em algo você está usando de bases certeira. Não há como ter certeza de nada, lhe digo. A ciência e tantas outras coisas estão sempre refutando o passado e comprovando que tudo que acreditamos pode mudar algum dia.

O corpo é uma máquina que filtra o exterior, perceber é de fora para dentro, acreditar é de dentro para fora. Não somos donos da verdade para por algo de dentro para fora. Apesar de nós moldarmos a percepção. A gente não molda a realidade, a realidade que nos molda.

A ciência parte de premissas, mas de premissas não se deve tirar nenhuma conclusão, pois há várias conclusões que podem ser tiradas de uma premissa, perceber é a premissa, acreditar é a conclusão.

Percebo que o céu é azul. Não tire conclusões, ponha premissas.

 

Autor: Allan Gomes
Tags: filosofia , perceber , acreditar , ciencia , 

 

Outras matérias


UM MINUTO DE SILÊNCIO

Todos nós somos pedras.

Feministas: Uma especie diferente

O TÍTULO DO GRÊMIO ME FEZ TER UM ORGASMO

Argel e os nerds do jornalismo esportivo

SEXO CASUAL É UM LIXO